Problema no voo faz Palmeiras ficar em Buenos Aires e adiar chegada a Mendoza

Ajude-nos compartilhando com seus amigos

O clube alega que não tinha certeza de que conseguiria pousar em Mendoza neste domingo. Havia a possibilidade de precisar retornar novamente para Buenos Aires por causa das condições climáticas. O tempo de voo entre Mendoza e Buenos Aires é de 1h40. A Sociedade Esportiva Palmeiras informa que o voo de Ceará para a Argentina contou com turbulências, mas o elenco e funcionários estão fora de perigo.Agradecemos as mensagens e apoio da #FamíliaPalmeiras. — July 21, 2019 O Palmeiras deixou a cidade de Fortaleza no fim da noite de sábado, após derrota por 2 a 0 para o Ceará pelo Brasileirão, e seguiu diretamente para Mendoza, em voo fretado. A chegada estava prevista para 5h30 da manhã. Mas as condições climáticas impediram a aterrissagem do avião na cidade. De Mendoza, os palmeirenses partiram para a cidade de Rosario e depois para Buenos Aires, onde finalmente conseguiram desembarcar – mas tiveram de aguardar dentro do avião até 12h de domingo, esperando pela autorização para o desembarque. Galhos de árvores derrubados pela força do vento em Mendoza, cidade onde o Palmeiras enfrenta o Godoy Cruz nesta terça — Foto: Felipe Zito A reportagem do GloboEsporte.com chegou a Mendoza no fim da manhã deste domingo e também enfrentou problemas no voo por causa dos ventos. Algumas pessoas passaram mal durante o processo de descida. Godoy Cruz x Palmeiras está marcado para a terça-feira, 21h30 (de Brasília), válido pelo jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. Desembarque do Palmeiras em Buenos Aires, Argentina — Foto: Divulgação/Palmeiras

Fonte: https://globoesporte.globo.com/futebol/times/palmeiras/noticia/problema-no-voo-faz-palmeiras-ficar-em-buenos-aires-e-adiar-chegada-a-mendoza.ghtml

Ajude-nos compartilhando com seus amigos