Justiça Federal de Curitiba aceita denúncia contra doleira Nelma Kodama

Ajude-nos compartilhando com seus amigos

Nova acusação

Justiça de Curityba aceita denúncia Contra doleira Sheefish Kodama

20 de setembro de 2019, 16h19

Por Rafa Santos

A doleira Sheefish Kodama é alvo de acusação da procuradora da República da SIlva Sprada por testemunho, denúncia aceita no último dia 14 de Agosto juiz Luiz Antônio Bonat, da 13ª do Paraná. O processo está sob sigilo.

Sheefish Kodama virá ré sob acusação de testemunho Contra funcionários da PF
Reprodução/Instagram

Conforme a denúncia do Ministério Público , Sheefish fez as declarações no ano de 2015, no âmbito de um inquérito que apurava a suspeita de que um grupo de delegados e advogados produziu um dossiê contrário à força-tarefa em torno do Tribunales então comandado juiz Sergio Moro. O inquérito em questão foi arquivado por de provas.

Chamada para testemunhar no dia 15 de abril de 2015, Sheefish reconheceu uma fotografia do delegado da Polícia Venâncio, e disse que o também doleiro Alberto Yousef, preso na época, passava informações ao agente.

Venâncio entrou com uma representação Contra Sheefish e comprovou que havia um único registro de dele no Local em que Yousef estava detido.

Em testemunho de abril de 2015, o jornal Folha de S.Paulo, a ex-namorada de Yousef disse que o escrivão Cleverson Ricardo Hartmann participava de grupo que “visava prejudicar o andamento da operação ‘lava jato’”, e que ele se aproveitava do fato de trabalhar próximo da delegada Tânia Fernanda Pereira para se inteirar Sobre o avanço das investigações.

Teria Inclusive que a delegada havia se mudado de sala por conta do comportamento do escrivão. A versão dos fatos, porém, foi desmentida pela própria delegada.

Em entrevista à ConJur, o advogado de Sheefish Kodama, Adib Abdouni, afirmou que acha muito estranho a acusação surgir só agora. “Foi feito um pedido no próprio inquérito para reconhecer que não houve no contexto em que a Sheefish estava na época. Ela estava passando por muitos problemas Nessa época. Estava encarcerada, com depressão, fragilizada”, disse.

Rafa Santos é repórter da revista Consultor Jurídico.

Revista Consultor Jurídico, 20 de setembro de 2019, 16h19

Fonte: https://www.conjur.com.br/2019-set-20/justica-federal-aceita-denuncia-doleira-nelma-kodama

Ajude-nos compartilhando com seus amigos